CULTURA
Dia Nacional da Saúde: por que comemoramos o 5 de agosto?
   
Em 5 de agosto de 1872, nascia Oswaldo Cruz, um nome importante no combate às epidemias brasileiras

Por Divulgação
05/08/2020 10h57

Para todos aqueles que atuam no setor de saúde, o dia de hoje tem um significado especial. Afinal, em 5 de agosto, é comemorado o Dia Nacional da Saúde! Embora não se fale tanto da data por aí, ela foi criada há muitas décadas… e tem muita história legal por trás disso.
Antes de entrarmos em mais detalhes, vale lembrar que a data surgiu para que as pessoas se conscientizem sobre a importância de cuidar do próprio corpo, tanto seu aspecto físico quanto mental. E, aparentemente, isso tem funcionado. De acordo com o estudo Estilos de Vida 2019, da Nielsen, cerca de 57% da população se encontra mais saudável – pensando na redução do consumo de gordura e ingestão de sal.
Isso porque, no ano passado, uma pesquisa do Ministério da Saúde também revelou resultados positivos sobre o intervalo de 2008 a 2018. Segundo a Pesquisa de Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito, o índice de cidadãos que afirma consumir frutas e hortaliças cresceu 15,5%. Já entre os que declararam praticar atividades físicas, o crescimento em uma década foi de mais de 20%.

Dito isso, que tal entender um pouco mais sobre a comemoração, o contexto na qual a data surgiu e a figura de alguém importantíssima para ela? No artigo abaixo, trazemos algumas informações que certamente farão este dia ainda mais interessante para você.

Dia Nacional da Saúde: por quê?
Foi em 8 de novembro de 1971 que um Decreto-lei de número 5352 determinou que o dia de hoje seria dedicado a conscientizar a população acerca do valor da saúde. A decisão, embora simples, também traz consigo uma homenagem importante. Afinal, em 5 de agosto de 1872, nascia um nome importante no combate às epidemias brasileiras: Oswaldo Cruz.

Natural de São Luís de Paraitinga, em São Paulo, sua história com o setor começou no berço, uma vez que Oswaldo tinha pai médico. Trilhando o mesmo caminho do patriarca, foi durante a Faculdade de Medicina, no Rio, que mostrou os primeiros sinais de interesse pela pesquisa científica. Como consequência, muitos artigos publicados, uma especialização em Microbiologia e a nomeação, em 1901, como Diretor Geral de Saúde Pública.

Mas você pode estar se perguntando: e quais motivos levaram a data de seu nascimento ser considerada Dia Nacional da Saúde?

Oswaldo Cruz e as epidemias
A escolha se deve ao fato de que o médico Oswaldo da Cruz teve posição central no enfrentamento das epidemias do século XX, tudo através da implementação de medidas sanitárias. No combate à febre amarela, por exemplo, provocou uma verdadeira revolução ao percorrer milhares de casas junto de cerca de 80 homens, lacrando caixas-d’água e conferindo se havia alguém doente na residência.

Na época, seu desejo de eliminar o foco dos mosquitos se materializou no decreto da vacinação obrigatória por parte do governo federal, o que gerou controvérsias e protestos conhecidos como a Revolta da Vacina. Isso porque muitos cariocas consideraram a atitude uma invasão de suas propriedades, visto que algumas pessoas foram vacinadas contra suas vontades.

Medidas preventivas também foram realizadas por ele em relação a surtos como a peste bubônica e a varíola — ambos grandes problemas nacionais no último século. Sobre a primeira, o profissional não só percebeu que poderia ser controlada com o emprego de um tipo de soro, como propôs a instalação de institutos que fabricam o líquido junto do governo.

Para se ter uma ideia da amplitude de suas ações, em 1907, o cientista foi reconhecido ao anunciar a erradicação da febre amarela e ganhar a medalha de ouro no 14º Congresso Internacional de Higiene e Demografia de Berlim.
E foi assim que, entre pesquisas e projetos públicos, Oswaldo se consolidou internacionalmente. Hoje, sua vida e obra são relembradas com inúmeros títulos, todos relacionados ao pioneirismo com o qual lidou com a medicina experimental e infecções no Brasil. Interessante, não?

Com informações de CM Tecnologia

   

  

Comentar comment0 comentário
menu
menu